Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

Halloween - Eles Andem Aí...

                                       

 

Como todos sabem, ou penso que sabem, esta noite comemora-se o Halloween ou o dia das bruxas, como lhes queiram chamar.

Mais uma vez, esta tradição foi copiada dos países anglosaxónicos e, mais uma vez, tem o consumismo por trás.

Eu, como comum mortal e teacher, também aderi a esta comemoração. Primeiro dentro da sala de aula como componente cultural, depois cá fora com os amigos. Devo dizer que acabo por me divertir mais dentro da sala de aula.

Cá fora, houve algumas alturas que nos mascarámos e fomos dar uns giros pela night. Lembro-me de uma noite em que nos vestimos todas de bruxa – o jeitaço que a capa do traje académico deu! -, pintámos olhos, dentes e ripámos o cabelo. Resultado: ninguém nos conhecia… LOL! Estávamos mais feias que a noite dos trovões!!!

 

Mas devo fazer aqui um reparo. Em Portugal já tínhamos a tradição do dia de todos os santos em algumas partes dos nosso país.

Na terra do meu pai, que fica na zona de Santarém, é muito engraçado. A tradição lá é pedir o ”pão por Deus”. Reune-se toda e só a malta jovem e vai-se de casa em casa comer iguarias fabulosas. Toda a gente tem a mesa posta e a malta vai encher a barriguinha de coisas boas.

Quando eu era miúda, gostava muito disto. Ia com a minha prima que é mais ou menos da minha idade e com os amigos dela. E claro que pelo meio haviam os namoricos às escondidas, os encontros furtivos, o fugir de fulano/a tal… Era muito giro. Agora não sei se ainda se manterá. Mas tenho boas recordações desta altura.

 

Esta noite tenho comigo o maior diabinho existente ao cimo da terra: o N. E como é altura deestas coisas “halloweenescas” andarem por aí, eu tive direito a um bónus extra! O N. tive direito a fim de semana prolongado! WEEEEE!!!

Mas eu tenho de ir vergar a mola na sexta-feira… pontes, it’s not for me! :/

 

Vou acabar de arranjar as minhas coisas para apanhar boleia no tridente do meu diabinho! Óptimo halloween para todos!

 

 

De rastos...

Pareço uma barata tonta. Ainda não parei um bocadinho. Quer dizer, parar parei… para almoçar!

Hoje foi um dia muito laboral (como se os outros não fossem), fartei-me de trabalhar em papeladas para o colégio, preparação de aulas e materiais a contar já com o Halloween.

O meu fim de semana vai ser dedicado ao Halloween já que estou sozinha. Vou-me dedicar às bruxas, aranhas, abóboras, gatos pretos (não pardos :P), dráculas e fantasmas. Pronto! É a minha maneira de me vingar da ausência do mister N. Digam lá que não vou ficar em boa companhia este fim de semana?

Se pedirem muito, eu tiro umas fotos e publico aqui as minhas “obras de arte”. Fico à espera…

Para a semana vou transformar-me em bruxa mesmo. Tenho ali dois tipos de unhacas: umas com meio dedo de borracha e outras tipo postiças com umas teias desenhadas. Não sei qual delas levar para a escola… mas se calhar opto pelas postiças. São mais duras e se algum puto do 4º ano se portar mal (como se eles alguma vez se tivessem portado bem na vida), espeto-lhas no nariz… Argh! Se calhar é melhor não… Pode vir algum orangotango agarrado! Bulergh!

 

Por falar em coisas nojentas, alguém viu uma exposição que está no Pavilhão da Ciência Viva (acho que se chama assim), na Expo chamada Knojo? É sobre o nosso corpo humano, as nossas secreções e barulhos tipo ranho, arrotos, cheiros, etc. Claro que isto é tudo acompanhado de explicações científicas e destina-se a putos. Mas os adultos também apreciam!

 

Fiquei indignada, enojada e revoltada. Acabei de ouvir a seguinte notícia que transcrevo abaixo um excerto:

 

Guillermo Habacuc Vargas expôs numa galeria de arte em Manágua um cão vadio que foi buscar a um bairro da lata.

Sem água e sem alimentos, o cão morreu, na exposição, à vista de toda a gente. (…)O cão morreu de fome à vista da frase "tu és aquilo que lês"... escrita com biscoitos para cão na parede da galeria de arte.
Guillermo Vargas foi seleccionado para representar o seu país, a Costa Rica, na bienal de arte centro-americana de 2008, a realizar nas Honduras.
A decisão suscitou fortes reacções e deu lugar a uma petição na Internet, com mais de 92 mil assinaturas, a exigir que Vargas não seja aceite na exposição. “

 

Esta coisa energúmena pseudo-artista devia ser erradicada do cimo da terra. Quem quiser ler a notícia na íntegra, pode fazê-lo na sic online.

Eu já assinei a petição para retirar este monstro da bienal de arte, se alguém quiser fazer o mesmo que eu basta clickar neste link:


http://www.petitiononline.com/13031953/petition.html

 

Que há muita gente a maltratar animais já todos sabemos, mas a este ponto?!